Moradores de Berimbau reclamam de falta d’água

Os moradores de Conceição do Jacuípe (Berimbau) estão sofrendo por causa da falta do abastecimento de água na cidade pela concessionária que presta o serviço.

Moradores garantem que uma grande parte de Berimbau não recebe água há mais de um mês. "Esse problema é constante. Pago minhas contas de água para ter água em casa e não pago para ter apenas um pingo de água", desabafou um morador do bairro do Baldez.

Ainda segundo os moradores a conta de água sempre chega e com valores bem altos.

Mesmo com a existência de um chafariz no bairro não tem água suficiente para abastecer a todos, devido à demanda ser muito grande e não tem como suprir todos os moradores. “Geralmente tem até briga por um balde de água”. Relatou a moradora Sandra.

Os populares estão se dirigindo para a sede da EMBASA (Empresa Baiana de água e saneamento) para reclamar dos preços abusivos das contas.

A alternativa que os moradores estão encontrando é além de pagar uma conta de um abastecimento que não existe, ainda são obrigados a comprar água em caminhões clandestinos, sendo uma água de origem duvidosa e provavelmente contaminada, pois não passa por nenhuma fiscalização. É cobrado o valor de R$ 20,00 por cada 1.000 litros de água e os fornecedores não vendem em pouca quantidade. Obrigando os moradores à comprar no mínimo 1.000 litros mesmo que a casa não tenha reservatório para a quantidade de água.

A nossa equipe de reportagem foi até Feira de Santana e conversou com Cássia Dias a Assessoria de Comunicação da Embasa, entretanto a mesma nos informou que não poderia responder às nossas perguntas devido ao responsável está fazendo uma viagem de trabalho.

E comprometeu-se a nos conceder uma entrevista na próxima segunda-feira (13) para esclarecer os fatos.

 

Sem comentários

Escreva um comentário
Ainda não há comentários! Você pode ser o primeiro a comentar, comente agora!

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados com um **